há dias assim

Que faz birras de sono, uma atrás da outra.


Ainda não percebi bem a razão destas birras aos 4 meses, mas desconfio que é a paga pelo dia anterior. Se não descansa o suficiente num dia, o seguinte é infernal. É uma espécie de síndroma do dia seguinte, digo eu.
O segredo está em estabelecer e seguir rotinas, diz o pediatra e este site [que eu recomendo] também. Rotinas fazem os bebés felizes e cá em casa estamos a tentar estabelecer as nossas, mas não é fácil. O problema não é pô-la a dormir à noite [sim, temos sorte, até ver] mas de dia! Na rua é uma maravilha, adormece na alcofa e mantém-se a dormir pelo menos enquanto eu caminhar. Mas as sestas em casa ora correm bem ora são um terror, como foi o caso de hoje. Ela esfrega os olhos de sono, ela grita, chora e olha para mim como que a pedir para a tirar do berço. Tem momentos em que a deixo chorar e passado um bocado cala-se, mas tem outros que fica cada vez mais irritada [não consigo ouvir aquele choro esganado] e só um pouco de embalo ao colo é que resulta. 
Preocupa-me isto. E mais ainda pelo facto de só eu a conseguir acalmar e adormecer. Tenho de consultar alguma literatura e pôr um plano em ação. Em breve vou voltar a trabalhar e não queremos este cenário todos os dias.
isto é amor

isto é amor

há dias assim

gostamos das manhãs

Newer post

Post a comment