[a viagem à Colômbia] dias 1, 2 e 3

[dia 1 – sexta-feira]

Foi uma viagem longa. 40 minutos de voo e aconteceu o inesperado: uma avaria no avião e meia volta para Madrid. Os passageiros estavam em alvoroço, levantando a voz e promovendo abaixo assinados. Nós não nos metemos muito. Fomos à Ibéria fazer a nossa reclamação e aproveitámos as 6 horas de espera para comprar uma revista, comer e esticar as pernas. As miúdas estiveram bem. A Camila dormiu o tempo todo e a Constança foi-se entretendo e adormecendo. Não podia ter corrido melhor. Já nós, a pé desde as 5 da manhã, estávamos estourados.

Reservámos alojamento na Casa de Guadalupe, uma guesthouse modesta e barata em plena Candelaria. Estamos bem instalados. É um apartamento independente sem grandes luxos mas limpo, novinho em folha e espaçoso [dormimos em duas boas camas de casal]. Reparo nos pormenores de construção engraçados que convivem com os piores acabamentos possíveis e pergunto-me o que terá passado pela cabeça do arquiteto ou do proprietário para fazer isto assim. As coisas em que uma pessoa repara quanto esvazia a cabeça.

[dia 2 – sábado]

Amanheceu cinzento e a ameaçar chuva portanto a solução foi passar o dia a visitar os três museus que tínhamos selecionado, parando aqui e ali, sem pressas. Pressa é, de resto, coisa que não podemos ter quando viajamos com duas crianças. O ritmo abranda e a logística é exigente. Mas como dizia hoje o funcionário do restaurante, muito divertido a observar a nossa dinâmica, se uma pessoa quer conhecer alguma coisa depois de ter filhos, tem de se atirar de cabeça… e depois logo se vê. É mesmo isto. Eu estou cansada, a Camila chora quando tem sono e a Constança histérica com tantas novidades… mas não há arrependimento. É isto que fazemos e é assim que somos.

[dia 3 – domingo]

As sugestões do guia wallpaper raramente me desiludem. No limite, são impossíveis para a carteira mas deixar-nos ficar mal… raramente. Então fomos a dois restaurantes absolutamente maravilhosos: La Despensa ao jantar e Abasto ao almoço. Comida muito boa, decoração com conceito, ambiente cool e descontraído, serviço irrepreensível. Querem saber o que é, para mim, luxo? É isto. Experiências destas [e não coisas].

De resto hoje o programa foi domingueiro: acordar cedo, deambular pelo mercado das pulgas, almoçar, dar uma volta num centro comercial a céu aberto junto com centenas de locais, parque com a Constança e uma loooonga sesta, os quatro. O funicular e o monte ficaram para amanhã. Andávamos cheios de sono.

[a viagem à Colômbia] dias 1, 2 e 3

[spring-summer 2015] baby collection

[a viagem à Colômbia] dia 4

[a viagem à Colômbia] dia 4

Newer post

There is one comment

  1. Renata

    Oh que bom ouvir notícias!
    Espero que tenham boa viagem. Deste lado aguardamos por notícias! E imagens 🙂

Post a comment